Imagem capa - O Que Não Pode Faltar No Dia do Casamento: PARTE 1 - CERIMÔNIA por EF Cerimonial
Dicas

O Que Não Pode Faltar No Dia do Casamento: PARTE 1 - CERIMÔNIA

A partir do momento que vem o pedido de casamento, já começam a acontecer os preparativos para o dia tão esperado. Sem dúvidas esse é o momento mais importante, sim, aceito” . É nesse momento que as emoções florescem, os sorrisos aparecem e as lágrimas rolam.



(Foto: Leo Staccioli)


A lista de coisas que não podem faltar na hora da cerimônia não é nada pequena. Sempre temos a sensação de que estamos esquecendo alguma coisa, e se você está na fase de avaliar orçamentos e procurando decidir o que deve ou não entrar na sua festa, esse post é para você!


  • Assessoria e Cerimonial:


Planejar um casamento pode ser bem estressante. Por isso ter ajuda profissional é o ideal.

A maior parte do trabalho de um cerimonial acontece durante o planejamento do evento. Somos  como anjos da guarda! Estamos sempre atentos para lidar e resolver qualquer tipo de situação imprevista e inusitada para que os noivos aproveitem 100% do dia sem preocupações. 

Corremos atrás de fornecedores e de soluções para qualquer inconveniente. Fazemos um acompanhamento constante, mantendo sempre o contato e permitindo que tudo saia do jeito que foi planejado!



(Foto: Max Schwolk )


  • Celebrante:


Ele é o poeta da cerimônia, tendo o poder de aflorar todos os sentidos e despertar sentimentos de uma maneira inspiradora, leve e autêntica.  Com certeza não se tem experiência mais incrível do que sentir o coração acelerado, as mãos suando frio, borboletas na barriga e algumas lágrimas escorrendo no canto do olho ou até mesmo umas boas gargalhadas enquanto o celebrante conta um pouco da história dos noivos de uma maneira pessoal.

Um dos pontos mais importantes para escolher o seu celebrante ideal é que exista uma forte conexão entre vocês . Isso vai fazer com que se sintam seguros e confortáveis, para contar a sua história de amor, personalidade de cada um, importância do grande dia e tudo o que tem a ver com o casal. Cada detalhe vai ajudar para que ele possa surpreender na hora da cerimônia.



(Foto: Guilherme Tonna)


  • Palavras de quem nos representa: 


Quem melhor do que os melhores amigos, pais, parentes e padrinhos para representarem o casal e ajudar o celebrante a contar a história de vocês?

Esse é um pontinho extra na hora da cerimônia, deixando o momento mais caloroso e intimista.

Lembrando, esses tipos de textos geralmente são curtos e diretos, mas sem perder a emoção e o amor pelo casal. As cerimônias são extremamente programadas para tudo ser no horário certo já que qualquer atraso pode prejudicar o cronograma depois, especialmente a hora das fotos do pós cerimônia que geralmente são no horário do pôr do sol. 



(Foto: Studio Couplé)


  • Atração musical: 


Cada vez é mais normal ver que os casais fogem da cerimônia tradicional e se jogam para um casamento personalizado e descontraído. Isso faz com que possam tocar outro tipo de música, como MPB, Jazz, Bossa Nova... e por aí vai. Hoje em dia está em alta misturar o clássico com o moderno, sendo assim dá pra brincar com instrumentos, voz,  estilo de música, sem perder aquela pegada clássica. 

O bom de um casamento na praia é que permite que vocês possam fazer uma cerimônia com mais liberdade onde os noivos podem escolher para a sua entrada músicas que representem o casal. 



(Foto: Guilherme Tonna)



(Foto: Fabio Calderaro)


  • Vovós, a hora é agora!


Com certeza não tem nada mais bonitinho de ver do que duas daminhas de honra entrando na hora do cortejo, mas, e se dissermos que essa imagem mudou um pouco? Agora é a vez das lindas vovós (o Lucas amaa). Para muitos são como as segundas mães e nada melhor do que dar um espaço especial para elas que são só amor.

Aqui algumas sugestões de como fazer para integrá-las na cerimônia:


- Entrar com uma imagem da Santa ou com a Bíblia.


- Casais de vovô e vovó entrando antes da noiva.


- Na ausência do pai também é válido que o avô conduza a noiva até o altar.


- Vovós entrando com as alianças, lembrando que nesse caso é importante mudar a ordem do cortejo! Pois não seria justo com elas, entrarem somente no final, perdendo toda a cerimônia, então sugerimos que a entrada delas com as alianças seja no início ou que os assentos sejam de fácil acesso para serem retiradas momentos antes da entrada das alianças. 


- Os casais de avós podem entrar antes dos padrinhos (nesse caso é bom reservar as primeiras cadeiras no altar para que eles possam se sentar).



(Fotos: Guilherme Tonna | Gui Guedes | Lenine Serejo | Emiliano Feo)


  • Espaço para os padrinhos: 


Se a cerimônia de casamento for muito extensa e demorada, é super válido que seus padrinhos estejam confortáveis (queremos padrinhos animados e que curtam a festa), por isso o ideal é colocar cadeiras para eles também. Além de que na hora da foto fica muito mais bonito. Não ter tanta gente em volta deixa o momento mais clean e dá destaque para os noivos.

Lembrando que madrinhas grávidas devem ter prioridade de assento.



(Foto: Lenine Serejo)


  • Acessórios para daminhas e pajens:


Antigamente a entrada das daminhas e pajens era muito simples. Era uma entrada formal onde as crianças usavam acessórios básicos (buquês, almofadas, e até cestinhos)

Mas hoje em dia isso já mudou um pouco, sendo assim, as noivas começaram a optar por acessórios mais elaborados:


-Placa de lá vem a noiva: isso já virou tendência dentro dos casamentos.


- Entrar com brinquedos, fica fofo e permite que a criança se sinta segura.


- Com balões. Podem ter escritas feitas com pincéis, canetas ou formatos diferentes como coração, flor e letras.


- Com os pets. Tendo o cuidado de que os bichinhos estejam familiarizados com as crianças ou devidamente adestrados para entrarem sozinhos.


- Com as alianças. Lógico, porque o tradicional não sai de moda! Garante emoção na hora da cerimônia.



(Fotos: Candido Fotografia | Guilherme Tonna | GF Photos)


  • Welcome Drinks: 

O famoso Welcome Drinks ( bebida de boas-vindas) é aquela água aromatizada, ou bebida leve antes ou durante a cerimônia para recepcionar os convidados. Um mimo simples mas que faz com que todo mundo se sinta a vontade logo de início, porque como sabem o  dia do casamento é um dia corrido para todos, até para os convidados. Muitos começam a se arrumar cedo e fora de casa, as vezes não chegam a beber ou comer durante o dia. E é por conta disso que quando chega a hora da cerimônia os convidados estão famintos e loucos para comer e beber (rsrs).

Mas, o que servir?


- Águas aromatizadas.


- Sucos de frutas.


- Para aqueles que são mais ousados pode ser drinks que estejam na moda como Aperol, gin tônica ou um espumante. (sobre tudo rosé)


- Água de coco.


- Picolés de frutas e geladinhos.


- Biscoitinho globo ou algo leve como um ceviche por exemplo.



(Fotos: Aloha Fotografia | Studio Couplé | Marcio Rosa | Guilherme Tonna)


Esses são os principais detalhes que não podem faltar em uma cerimônia para que vocês tenham um dia inesquecível. 

Agora, conta pra gente o que não pode faltar no dia do casamento?